Pesquisar este blog

domingo, 22 de maio de 2016

Autobiografia de Luiz Domingues na Música - Aviso Sobre as Novas Etapas a Seguir - Por Luiz Domingues


Encerrado o texto bruto da minha autobiografia na música, entro agora em uma nova fase, a tratar neste instante a apresentar adendos ao material redigido. Farei inicialmente um apanhado geral sobre a minha infância e adolescência, ao abordar, ano a ano, desde o meu nascimento (1960 a 1975, portanto, e a considerar o período de 1976 em diante, como inserido na autobiografia em si, mas fica em aberta a possibilidade para que crônicas específicas a tratar de fatos correlatos e análise cultural de época, sobre os anos posteriores, também sejam criadas e publicadas), e a mostrar como a música e o impacto da cultura em geral, envolveu-me aos poucos, e o Rock em específico, ao fisgar-me ao final da infância e início da adolescência.

Na etapa posterior, irei disponibilizar material a conter fotos; vídeos; áudio; vídeoclips; material de portfólio; documentos e fotos de peças de memorabilia, a abranger os 40 anos iniciais de atividades em todas as bandas por onde passei e muito material será inédito e não publicado anteriormente como ilustração dos capítulos da autobiografia. Além da ampla cobertura visual, acrescentarei comentários elucidativos para cada peça, a elucidar cada uma, sobre o contexto em que apresentaram-se; a importância que tiveram; histórias curiosas se for o caso, e análise de época, toda vez que fizer-se oportuno.

Em uma terceira fase desses complementos autobiográficos, postarei histórias não contadas no texto oficial, como adendos em forma de crônicas, onde não seguirei uma ordem cronológica, mas terá uma organização certamente, a demarcar claramente o ponto da história em que estou a recordar. 

E por fim, quarta etapa, a atualização da autobiografia, a cobrir todos os acontecimentos da minha carreira, no pós abril de 2016, ponto onde encerrei o texto bruto, mas a vida e a carreira prosseguiram a colecionar novas histórias para contar. Tais atualizações serão periódicas, contudo, a observar bom hiato de tempo, para garantir a isenção de uma visão oportuna, adquirida pelo distanciamento do tempo. Então, após esses textos em adendo sobre a continuação da história no pós abril de 2016, virão, materiais referentes sobre tal período, a criar uma rotina, doravante. Como um balanço atualizado, todo anos publicarei texto novo e material pertinente a tal produção. E claro, o espaço sempre ficará aberto para crônicas em adendo, e material de trabalhos antigos que forem resgatados, a fazer deste Blog, um Museu em constante vigilância para armazenar tesouros antigos, recém descobertos.
A tocar com os Kurandeiros, em 15 de maio de 2016. Foto de Lincoln Baraccat

Esteja convidado a continuar a acompanhar, amigo leitor !

Nenhum comentário:

Postar um comentário